Sindicato convoca assembléia pra próxima segunda-feira

Publicado em 07.12.2018

Ocorreu na manhã desta sexta-feira, na sede da Energisa a sétima rodada de negociação do Acordo Coletivo 2018/2019. Dessa vez o principal ponto discutido foi com relação ao ganho real, pois a empresa estava relutando em dar reajuste acima da inflação. Após acalorada discussão, o sindicato informou à empresa que, caso não fosse apresentada uma proposta diferente, iria submeter à votação da categoria um indicativo para paralisação de advertência, por entender que se fazia necessário o reconhecimento das necessidades dos empregados e as reivindicações do sindicato.

Diante da insistência dos representantes da categoria, a Energisa apresentou uma nova proposta desta vez com ganho real, reajustando acima da inflação o Ticket Alimentação. “Eles  reconhecem as reivindicações dos trabalhadores e as consideram legitimas, mas informaram que essa seria a última proposta possível dentro do orçamento da empresa, ficando agora em nossas mãos para deliberar em assembleia os nossos destinos”, informou Manuel Henrique, Presidente do Sindeletric.

Manuel Henrique reconhece que a proposta da empresa poderia ser melhor e que não atende na totalidade as reivindicações dos empregados. “Tivemos alguns avanços em cláusulas sociais, a exemplo do aumento no período de complementação de benefícios, aumento real no Ticket Alimentação e a inclusão de outras cláusulas que beneficiam os empregados”, completou o Presidente.  

Esse ACT teve a negociação mais longa dos últimos anos, mas graças ao esforço do sindicato foi possível obter muitos avanços. Veja abaixo o resumo da proposta apresentada após a 7ª rodada de negociação.

  1. Garantia da Data Base (retroativo a 1º de novembro) e manutenção da vigência do ACT;
  2. Pisos e Salários corrigidos pelo INPC acumulado nos últimos 12 meses (4%);
  3. Todas as demais cláusulas que tenham natureza financeira terão seu valor corrigido pelo INPC acumulado (4%);
  4. A empresa reajustará o Ticket Alimentação acima do INPC acumulado, passando o valor do Ticket, atual de R$ 850,19 para R$ 890,00;
  5. Inclusão na cláusula de compensação de horas extras no banco de horas, sendo acertada em comum acordo entre empregado e gestor, as folgas compensatórias nas horas negativas na mesma proporção, a partir de dezembro de 2018.
  6. Inclusão de cláusula para criação de regulamento para redução de intervalo de almoço de 2 horas para 1 hora para os empregados que desejarem e que estejam matriculados em curso universitário /técnico, exceto para os trabalhadores que trabalhe em dupla.
  7. Avanço na cláusula de complementação de benefício: hoje o empregado afastado pelo INSS para tratamento de saúde (auxílio doença) tem garantido pela Energisa os benefícios como, plano de saúde, odontológico, Ticket Alimentação e seguro de vida por um período de 90 dias. A partir do Acordo Coletivo 2018/2019 o empregado afastado por auxílio doença (B31-doenças que não tem relação com o trabalho), passará de 90 dias para 180 o plano de saúde, odontológico e seguro de vida, permanecendo o Ticket Alimentação fornecido por 90 dias.
  8. Os trabalhadores afastados por acidente de trabalho, que hoje a empresa garante plano de saúde, odontológico, ticket alimentação, auxílio portador de necessidade especial e seguro de vida por um ano, passarão a ter os benefícios por 1 ano, 5 meses e dez dias o que corresponde a 525 dias.
  9.  Inclusão de cláusula que regulamenta em quais hipóteses poderá haver prorrogação de jornada além do limite de horas extras diárias permitidas (essa medida visa garantir que só em caso excepcionais o empregado poderá ultrapassar o limite de horas extras diárias).

9.1   Período de chuvas;

       9.3 Falta de energia em coletividade, hospital, escola. Serviços públicas, casa de cliente enfermo;

9.4   Cabo de energizado;

9.5   Árvore pressionando a rede;

9.6   Incêndio;

9.7   Poste abalroado;

9.8   Instalação dando choque;

9.9   Cumprimento  do prazo da ANEEL para religação de cliente

10. A segunda parcela do 13º salario passará a ser paga no dia 10 de dezembro para adequação ao (ESOCIAL)

A diretoria do SINDELERIC convoca todos os empregados da Energisa para participarem da assembleia de deliberação sobre a proposta apresentada pela empresa que será realizada no dia 10 de dezembro, próxima segunda-feira, na frente do edifício sede da Energisa em João Pessoa, às 07h30.

Contamos com a presença de todos!